Jogos de Tabuleiro – Supernova: Um Novo Êxodo

Jogos de Tabuleiro
Em 22 de novembro de 2015
Durante o cafezinho do(a)

Supernova: Um Novo Êxodo é um jogo nacional, da Ludofy Creative, do designer, Rafael M. Verri, e do artista Daniel Bogni, lançado em 2015, que é uma boa opção para aqueles que querem começar a jogar jogos de tabuleiro modernos, por ter uma complexidade de fácil acesso, e por ser encontrado por um bom preço tanto em lojas físicas como virtuais do país.

“Após vários anos de estudo e desenvolvimento, finalmente a raça humana obteve a tecnologia necessária para explorar o planeta Marte, e em sua primeira viagem espacial para o pequeno vermelho, encontrou uma nova forma de vida inteligente. E hostil.” Essa é a história que pode ser jogada no Supernova.

A photo posted by Christhian Gruhn (@gruhn) on

Um jogo de estratégia, dedução, com um pouco de blefe e leitura de jogadores, que pode ser jogado entre 25 e 45 minutos, e originalmente lançado para 2 jogadores, porém, com uma variante de regra oficial publicada on-line que permite a adição de um 3º e 4º jogadores.

No jogo, cada jogador precisará realizar ações estratégicas de alocação e gerenciamento de cartas, buscando controlar quadrantes espaciais, para obter a maior quantidade de pontos de vitória, e combinar relíquias tecnológicas destes quadrantes.

O setup inicial (a montagem inicial do jogo) não é demorada, e pode ser feito em alguns minutos. Cada jogador assume um lado do tabuleiro, sendo terráqueos ou marcianos, e possui um deck específico (igualmente balanceados), que será utilizado para alocação de forças em cada quadrante. Porém, parte desta alocação é aberta, e parte é fechada, ou seja, apenas na resolução final do jogo, será conhecido o vencedor. Dessa forma, um jogador precisa ler o adversário, para buscar identificar quais seriam as ações que o mesmo está realizando em cada turno.

O jogo é dinâmico, simples, e fácil de entender. E possui uma dinâmica interessante, assim, irá gerar jogos com estratégias diferentes conforme os jogadores passam a conhecer mais a experiência. Da mesma forma, jogadores podem ser mais ou menos agressivos, modificando as estratégias gerais durante a partida.

Uma boa pedida para quem já joga e para quem quer conhecer jogos modernos, além de ser do mercado nacional.

Mais informações:

Ludofy

Board Game Geek

Ludopedia

(Importante: A Turma do Café e o autor do texto não tem ligação com o jogo, sendo apenas apresentado como um conteúdo de interesse cultural para os leitores.)

Os comentários estão desativados.