Gen Pés Descalços

Cultura
Em 4 de dezembro de 2011
Durante o cafezinho do(a)

“Esta é uma das melhores histórias em quadrinhos já realizadas…

Nakazawa nos mostra a verdade de maneira simples,

honesta e repleta de sentimentos humanos genuínos.”

Robert Crumb.


Todos já ouvimos falar dos horrores de uma guerra, suas injustiças e barbaridades, mas observar essas verdades pela ótica de uma criança de 6 anos torna tudo mais amedrontador.


Gen, Pés Descalços (em português), Barefoot Gen (em inglês) e Hadashi no Gen (em japonês), é a obra prima do mangaká Keiji Nakazawa, um sobrevivente ao ataque americano a sua cidade, Hiroshima, onde uma bomba atômica foi lançada as 8:45 da manhã do dia 06 de agosto de 1945, uma segunda-feira, pelo avião B-29, apelidado de Enola Gay.

Nakazawa retratou através de seu alterego, Gen, o antes, o durante e o período que sucedeu o ataque. Gen sobreviveu a bomba pelo simples fato de estar à sombra de um muro de concreto, que absorveu o impacto da explosão.

O traço simples e por vezes engraçado do autor contrasta com o horror da guerra. Não existe qualquer intenção de “esconder” as coisas, elas são retratadas como realmente aconteceram, e por isso muitas cenas chocam, pessoas vagando sem rumo com a pele derretendo, alguns sendo consumidos por larvas que nascem nas feridas…  A cena onde Gen é obrigado a abandonar seu pai e irmãos para salvar a própria vida e de sua mãe, que está grávida, é emocionante, não tem como você não se colocar no lugar daquele menino que escuta seu irmão mais novo implorar por ajuda sem poder fazer nada.

Alguns dias depois da explosão, no dia 15 de agosto, o Japão rendeu-se e a guerra terminou, mas isso não significou nada para os japoneses que viviam sem esperança, lutando todos os dias por suas vidas, onde encontrar um simples punhado de arroz era uma batalha.

 

“Depois da bomba, viver tornou-se algo mais infernal” Keiji Nakazawa.

Gen é leitura obrigatória, devia fazer parte do currículo de escolas e faculdades, é necessário que as pessoas saibam o que realmente aconteceu para que possamos pensar num futuro de paz.

A obra foi publicada pela primeira vez no Japão em 1973, depois ganhou adaptações animadas e em live action, sendo inclusive adaptada para uma ópera. No Brasil a Editora Conrad publicou uma versão em 2000, mas esse ano a editora vem relançando a obra, que já está no 3º volume de um total de 10, as edições estão muito bonitas e agora respeita a ordem de leitura dos mangás tradicionais, de trás pra frente. Estou ansioso pelo 4º volume.

Compre, peça de natal, pegue emprestado, leia, releia, é essencial ter uma obra prima dessas na sua coleção.

Tags: , , ,

3 respostas para “Gen Pés Descalços”

  1. ThiagoLFM disse:

    Correção: Em 2000 a Conrad lançou a versão resumida (parecida com a americana). Desta vez está lançando a versão original, integral, composta por 10 volumes! Então não serão 4 e sim 10! Corrija aí. Seu texto ficou muito bom, vai inspirar muita gente a ler ;D